Get Adobe Flash player

DETALHE DE NOTÍCIA

Sep10
2013

AGIM inaugura Campo Experimental de Pequenos Frutos

 

Com vista a aumentar o conhecimento técnico-científico na fileira dos pequenos frutos, a AGIM está a construir um Campo Experimental onde serão plantados mirtilos, groselhas, framboesas e morangos.

A AGIM - Associação para a Gestão, Inovação e Modernização do Centro Urbano de Sever do Vouga está a construir um Campo Experimental de Pequenos Frutos com a finalidade de aumentar o conhecimento técnico-científico de toda a fileira dos pequenos frutos, com particular destaque para a cultura do mirtilo.

Localizado na vila de Sever do Vouga, o Campo Experimental de Pequenos Frutos, que vai ser inaugurado no próximo dia 13 de setembro, sexta-feira, pelas 14 horas, é composto por uma área de cerca de seis mil metros quadrados. Para já, no Campo Experimental estão plantados mirtilos e groselha em vaso, mas em breve este espaço irá acolher também variedades de groselha, amora, framboesa e morango em cultura protegida.

O Campo Experimental de Pequenos Frutos resulta da aposta que a AGIM se encontra a efetuar no incremento do conhecimento técnico e de inovação para a fileira dos pequenos frutos em Portugal e cujo investimento roda os 68 mil euros, financiados em 40% pelo PRODER – Programa de Desenvolvimento Rural. Os restantes 60% são da responsabilidade da AGIM, sendo que os terrenos onde este projeto está instalado são cedidos em regime de comodato pela Câmara Municipal de Sever do Vouga, que os adquiriu por 84 mil euros. O Campo Experimental conta com a parceria do Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV) e de várias empresas do setor.

Os objetivos gerais deste Campo Experimental passam por contribuir para o aumento da produtividade e da qualidade dos pequenos frutos a nível nacional. Desta forma, serão realizados ensaios experimentais nas seguintes matérias: controlo de variedades (estados fenológicos, produção, época de colheita, campanhas, etc.), fertilização, rega, produção ao ar livre e sob coberto, produção em solo e em vaso e controlo das pragas e doenças.

Além de ser um instrumento de investigação e desenvolvimento da fileira dos pequenos frutos em Portugal, a AGIM entende que o Campo Experimental de Pequenos Frutos será fundamental para a produção de conhecimento nesta área, com particular destaque para o mirtilo, e irá permitir que a AGIM se posicione como instituição de referência a nível nacional na fileira dos pequenos frutos.

Com a entrada em funcionamento deste Campo Experimental, a AGIM dá mais um passo para se afirmar como entidade que pretende abranger e defender os interesses socioprofissionais de todos os intervenientes da fileira dos pequenos frutos em Portugal, sejam eles produtores, técnicos ou organizações de comercialização.

 

PROGRAMA

14 horas: Receção dos participantes

14.30 horas: Cerimónia de inauguração e apresentação do Campo Experimental da AGIM

15.30 horas: Apresentação dos produtos e serviços comercializados/prestados pelas empresas patrocinadoras do Campo Experimental da AGIM

17.30 horas: Intervalo para café

17.45 horas: Visita em grupo ao Campo Experimental de Pequenos Frutos (inclui demonstração de máquinas e equipamentos para a cultura dos pequenos frutos)

19 horas: Encerramento

 

Fonte: Voz do campo

1 / 43